Carregando Post...

Que cuidados ter com as crianças durante a epidemia de Covid-19?

A Covid-19 tem registrado casos mais graves em pessoas idosas e entre aquelas que possuem doenças crônicas ou condições que afetem o sistema imunológico. Embora as crianças não façam parte do grupo de risco, ainda assim é fundamental tomar medidas que evitem a contaminação.

Vale ressaltar que, pelo fato do novo coronavírus ser uma novidade para a medicina, ainda não se tem certeza do risco que ele pode oferecer a recém-nascidos e crianças com condições de saúde especiais. Para poder auxiliar sua família de alguma forma, a D’Furlan Baby preparou este artigo que viabiliza os cuidados necessários para evitar o contágio pelo vírus.

Quais são os cuidados necessários para manter meu filho(a) em segurança agora? Confira!

 

Quais são os cuidados necessários?

Como sabemos, o novo coronavírus surgiu em Wuhan, na China, e em questão de um mês já estava disseminado em diversos países, inclusive o Brasil. O primeiro caso em território brasileiro teve surgimento no término do mês de fevereiro. Em relação aos cuidados necessários, as orientações para as crianças são baseadas no que os adultos já vem fazendo.

Usar álcool gel ao tocar em objetos compartilhados e quando não puder lavar as mãos. Higienizar as mãos com água e sabão regularmente, principalmente ao chegar em casa ou ao entrar em estabelecimentos. Se estiver com sintomas, usar a máscara para evitar a disseminação e só ir ao hospital se notar febre ou cansaço. Porém, sabemos como é a vitalidade de uma criança e o quanto a vontade de descobrir o mundo, neste cenário, pode ser negativo.

Crianças estão sempre em contato com o chão, colocam as mãos na boca, nariz ou olhos o tempo todo e praticam só o que não é recomendado em um momento de pandemia, como o que vivemos atualmente. Compreendendo isso, que cuidados tomar?

 

Evite o que não é necessário

 Se você tem um compromisso que não é obrigatório, desmarque e evita ao máximo sair de casa. Evite locais como parques, shoppings ou cinemas. Ainda que restringir o contato social signifique, de certa forma, evitar o desenvolvimento do seu filho(a), é importante para que ele não se contamine e evite a propagação do vírus.

 

Reforçar práticas de higiene

Crianças que são educados a ter bons hábitos levam para a fase adulta o que aprenderam. Este é um bom motivo para reforçar as boas práticas de higiene com o seu pequeno, além de estar ao mesmo tempo usando medidas que impedem a contaminação pelo novo coronavírus.

 

Lave os brinquedos

É importante higienizar qualquer objeto que a criança tem contato direto no dia a dia, neste caso o brinquedo é um deles. Antes de jogar na água com sabão, dê uma boa investigada nas orientações de lavagem fornecidas pelo fabricante.

Tomar algumas precauções são fundamentais para manter as crianças em segurança. E, além disso, evitar que o coronavírus seja ainda mais disseminado e atinja os grupos de risco. Por isso, siga as orientações e não se esqueça de lavar as mãos constantemente. 

Comentários

Deixe um Comentário